Seguidores

Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Água Azul Solarizada


Água Azul Solarizada

Médicos, nutricionistas e demais profissionais da área de saúde nos recomendam beber grande quantidade de água diariamente (entre 2 e 3 litros por dia, no mínimo) para cultivar e manter uma boa saúde física. Mas nem todo mundo sabe que a água pode nos ajudar a cultivar e manter uma ótima qualidade de vida emocional e mental.

Sim! Sobretudo a ÁGUA SOLARIZADA que pode adquirir as qualidades das mais diversas cores através do processo de solarização. Aqui vamos tratar especificamente da ÁGUA AZUL SOLARIZADA.

Assim como acontece com as frases "Sinto muito, Me perdoe, Te amo, Sou grato", beber Água Azul Solarizada ajuda a apagar memórias tóxicas geradoras de padrões na mente Subconsciente. É, portanto, uma poderosíssima ferramenta de limpeza mental. Eu gosto tanto que só bebo dessa água, costumo andar com minha garrafa aonde quer que eu vá. Saio de casa com ela cheia e antes que a água termine, volto a enchê-la multiplicando o conteúdo o dia todo. No consultório também só sirvo Água Azul Solarizada. E, quando realizo seminários, levo um garrafão enorme para que todos usufruam dos benefícios desse 'néctar' maravilhoso.

No processo, a água adquire uma delicioso sabor levemente adocicado, fica mais leve e é uma poderosa ferramenta de limpeza mental. É facílimo preparar, mesmo que você more em um apartamento. Qualquer tipo de garrafa de vidro azul e em qualquer tom de azul pode ser utilizado. Atenção! - NÃO pode ser plástico porque o plástico ao entrar em contato com o calor libera uma substância tóxica nociva à saúde.

Como fazer:

* Coloque água filtrada na garrafa e cubra com um véu branco, uma cortiça ou um plástico transparente (como na foto acima - mas cuidado: NÃO deixe o plástico entrar em contato com a água enquanto exposta ao sol).
* Coloque a garrafa sob o sol durante 2 horas. Pode-se deixá-la por menos tempo, contudo, quanto mais tempo ao sol, mais adocicada e mais eficaz no processo de limpar memórias.
* Pronto! Agora é só beber!

Você pode armazená-la na geladeira na própria garrafa ou em uma garrafa plástica (agora pode), derramar um pouco dentro do filtro, cozinhar, fazer chás, etc.

Muitas pessoas me perguntam se colocar a água sob uma lâmpada é a mesma coisa que deixá-la sob o sol. Pessoalmente acho que não. A luz do sol é a luz do sol... Mas, se o tempo estiver muito fechado ou se o local onde você mora não permite mesmo a luz solar, então uma lâmpada incandescente pode ser utilizada com este fim.

Experimente! A Água Azul Solarizada é deliciosa e ajuda a liberar memórias tóxicas!
E, lembre-se:
* Quanto mais beber Água Azul Solarizada, mais benefícios você vai obter, sobretudo se associar a água à Meditação [ http://www.youtube.com/watch?v=B2PbRosVeZ4 ], mais padrões serão limpos e mais você vai acessar a Paz do Eu... a Paz além de todo entendimento.

Amor e Luz,
Regina Tavares

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Torresmo de Microondas

Faço torresmo na pressão, no forno e fogão. Agora descobri que posso fazer também no micro-ondas, e lógico que não poderia deixar de experimentar pois o tal do torresmo é o prato preferido do maridão.




Obs: Eu usei um refratário grande, fundo e com tampa. Fiz com panceta que tinha uns três cm de altura com carne e gordura bem equilibradas. Acho que a panceta que têm muita carne ou muita gordura não dá um bom resultado.
No meu mico-ondas o tempo foi dividido assim: 20 min + 20 min e + 15 min para ficar bem dourado.
Cuidado ao retirar o refratário do micro-ondas pois estará muito quente e a gordura líquida.
Retire os torresmos e coloque-os num recipiente forrado com papel toalha. Espere esfriar  para dar a crocancia e sirva. Dizer que fica tão crocante quanto o torresmo feito na panela de pressão ou o que faço usando forno e fogão seria exagero, mas fica bom e dá menos trabalho. Já fiz duas vezes e gostei!  


Receita Original:


1 kg de toucinho cru ou panceta cortado em cubinhos
Sal a gosto

Preparo:

1 – Coloque os cubinhos de torresmo em um refratário de vidro e cubra-o com um papel filme.
2 – Faça pequenos furos no papel filme com a ajuda de uma faca.
3 – Leve ao micro-ondas por cerca de 20 minutos, retire e mexa com cuidado para que desgrude do
refratário.
4 – Cubra mais uma fez com papel filme, faça furinhos e volte para o micro-ondas por mais 20 minutos.
5 – Retire o torresmo e coloque sobre um papel absorvente, adicione sal a gosto se preferir. Não utilize o
óleo que soltou.

Obs: Se for preciso deixe por mais tempo ou menos tempo no micro-ondas. O tempo pode variar de
aparelho para aparelho.



segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Flor Delícia em Crochê


Fiquei encantada com esta florzinha!


"A primavera é uma estação florida,

Cheia de imenso, divinal fulgor;

De flores enche o coração da vida,

E enche de vida o coração da flor."


A flor mede 5cm de diamêtro e a folha 4cm x 2cm




Fonte do gráfico: 
http://tecendoartesesonhos.blogspot.com.br/search/label/Flores

Fonte da Musica:
http://juniorbonfim.blogspot.com.br/2010/09/mocidade-e-primavera.html

74. IGUALDADE ILUSÓRIA

(Termo popular: Mocidade e Primavera)


A primavera é uma estação florida,

Cheia de imenso, divinal fulgor;

De flores enche o coração da vida,

E enche de vida o coração da flor.


A mocidade é uma estação ditosa,

Cheia de risos, de ideal prazer;

E as almas sentem um viver de rosa,

Na mocidade, a rosa do viver.


Na primavera, há profusão de cores;

As flores brotam no rochedo bruto

Depois... o fruto que há de vir das flores,

E as novas flores que hão de vir do fruto.


Na mocidade, há melopéias calmas;

Tremem dos lábios os vermelhos frisos;

Os risos cantam no brotar das almas,

Cantam as almas no brotar dos risos.


Ambas se adornam de um viver risonho,

Iguais parecem – ambas são de amor

Se a mocidade faz nascer o sonho,

A primavera faz nascer a flor.


Tão iguais parecem quando a vida as solta,

E no entretanto, elas não são iguais:

A primavera passa e depois volta,

E a mocidade não nos volta mais.


Francisco de Paula Monteiro de Barros

Rio de Janeiro (1871 – 1915).


quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Jabuticaba Cristalizada


Primeiramente fiz uma deliciosa geleia de jabuticaba, a receita: http://entretenimento.band.uol.com.br/diadia/receita/22961/Bombom-de-Jabuticaba.html

 250gr de jabuticabas (eu tinha congeladas)
250gr de açúcar cristal
100ml de água
 Levei ao fogo em uma panela com os ingredientes e deixei ferver mexendo de vez em quando para não entornar. Quando percebi que estava engrossando desliguei o fogo, retirei a espuma que se formou e passei tudo por uma peneira para separar cascas e sementes. Despejei o caldo grosso obtido em três vidrinhos (aqueles de sopinhas para crianças.)

 Enquanto passava pela peneira  para separar as partes sólidas da fruta resolvi aproveitar as cascas, já que estavam cozidas e bem adoçadas. Fui retirando-as e passando-as pelo açúcar refinado. Espalhei numa assadeira e levei ao sol por umas quatro tardes inteiras. Enquanto estão aquecidas pelo sol ficam amolecidas mas depois que esfriam ficam sequinhas e deliciosas! 




 Guloseima saborosa e nutritiva!
Armazenar em vidro bem fechado.


A casca da jabuticaba tem sido estudada e as pesquisas revelam que ela proporciona vários benefícios para a saúde. Confira:

http://g1.globo.com/globo-reporter/noticia/2014/03/pesquisas-apontam-que-casca-de-jabuticaba-evita-crescimento-de-celulas-de-cancer-de-mama-e-prostata.html

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Coquinho Dourado

 Pra quem gosta de coco como eu gosto,
 esses coquinhos caramelados são simplesmente irresistíveis!


   
Ingredientes: 

2 xícaras (chá) de açúcar
1/2 xícara (chá) de água
4 xícaras (chá) de coco cortado em cubinhos.
1 colher (sobremesa) de canela em pó

Preparo:

Em uma panela alta coloque todos os ingredientes e leve ao fogo alto mexendo sempre  para cozinhar o coco e secar a água.
Abaixe o fogo e continue mexendo até que os cubinhos de coco fiquem dourados, caramelados e açucarados. (Aproximadamente 40 a 45 minutos)
Retire do fogo e espalhe em uma assadeira.
Deixe esfriar e separe os cubinhos que ficarem grudados.


terça-feira, 19 de agosto de 2014

Espírito Santo

Reaproveitei um porta retrato que já estava velhinho e com o verniz descamado. Recobri a moldura com tirinhas de malha e decorei colando fuxicos, florzinhas,  pedra de biju e etc. Recobri o fundo com feltro e colei o Espírito Santo em gesso com cola quente. Adorei o resultado!